Saúde Pública
publicado em 30/09/2011 às 15h25:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Resultado de um estudo confirmou que os policias militares são uma população de risco para desenvolver a perda auditiva. Devido a atividades como treinamentos com armas de fogo, esses profissionais formam um grupo altamente exposta a ruídos de impacto para a saúde auditiva. A partir desse dado, o professor Heraldo Lorena Guida, do Departamento de Fonoaudiologia da Faculdade de Filosofia e Ciências da Unesp, desenvolveu um projeto de pesquisa para o estudo da saúde auditiva dos agentes da região de Marília.

O trabalho fez cerca de 350 avaliações audiológicas de 2008 e 2010, a fim de detectar possíveis danos à audição.

A pesquisa foi realizada com PMs do 9º Batalhão da Polícia Militar do Interior (9º BPM-I), adotando os procedimentos de anamnese audiológica, que investiga queixas apresentadas pelos pacientes; a otoscopia, exame visual do canal auditivo externo do tímpano com a ajuda de aparelho; a audiometria tonal liminar, uma forma de avaliar a resposta do paciente a estímulos sonoros; e a imitanciometria, que mede a integridade dos sistemas periféricos de audição.

O projeto também propõe a implementação de programa de conservação auditiva para os policiais militares. " Parte dos atendimentos prestados foi vinculada ao estágio do curso de Fonoaudiologia, permitindo aos estudantes uma vivência profissional ainda na graduação" , explica Guida.

Policiais do 190

Após a conclusão em 2010, a ação deu origem a um segundo projeto iniciado este ano sob o título Estudo da exposição ao ruído em policiais militares. De acordo com o coordenador, esse estudo ampliará a comparação da insalubridade entre os meios acústicos aos quais os policiais ficam expostos.

" Tentaremos entender, por exemplo, como se caracteriza o ambiente acústico dos agentes que utilizam motocicleta e do policial de trânsito na cidade de Marília no horário de pico" , afirma o pesquisador. " Outro grupo que será analisado é o COPOM [Central de Operações da Polícia Militar], que atende pelo telefone 190 cerca de mil chamadas por dia" . Essa pesquisa já está em fase de coleta de dados.

Mercado para fonoaudiólogos

Segundo os organizadores, o projeto também é uma forma de alargar o campo de atuação do profissional da Fonoaudiologia. " A Polícia Militar já conta com profissionais da área da saúde, como médicos e dentistas. Queremos mostrar que o fonoaudiólogo também é um profissional importante para a corporação" , afirma o pesquisador.

Com a conclusão da segunda fase do projeto, há a intenção de atender esses policiais estudados no Centro de Estudos de Educação da Saúde (CEES), uma unidade auxiliar da FFC. A ação seria concretizada por meio de um projeto de extensão específico. " Assim, os atendimentos continuariam sendo feitos, ampliando e aplicando os resultados obtidos na pesquisa."

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Saúde auditiva    Perda auditiva    Fonoaudiologia    Unesp    Universidade Estadual de São Paulo    São Paulo    Marília   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Saúde auditiva    perda auditiva    fonoaudiologia    Unesp    Universidade Estadual de São Paulo    São Paulo    Marília   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.