Geral
publicado em 13/09/2011 às 18h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Uma pesquisa inédita da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) vai analisar o perfil de células da mucosa anal e do sangue de pacientes portadores do vírus HIV, comparando-as com células de indivíduos sadios, para compreender os mecanismos envolvidos na gênese da doença. A partir dos resultados, será possível traçar estratégias preventivas e terapêuticas relativas ao HIV no Amazonas.

Segundo a pesquisadora, Adriana Gonçalves Daumas Pinheiro Guimarães, o estudo proporcionará uma maior compreensão dos mecanismos imunológicos envolvidos na gênese do câncer anal dos pacientes HIV, etapa importante no desenvolvimento de novas ferramentas terapêuticas, envolvendo as células dendríticas que frequentemente são infectadas pelo HIV prejudicando a capacidade de apresentação de antígenos, fundamental ao desencadeamento da resposta imune inata e facilitando assim o desenvolvimento do câncer anal.

Para Adriana, os pacientes com HIV estão mais vulneráveis às doenças, e a probabilidade de desenvolverem câncer anal aumenta cerca de 70% se comparado com indivíduos sadios. Ela analisou 103 pacientes, e os resultados preliminares mostraram a prevalência de neoplasia intraepitelial anal, ou seja, uma patologia precursora do câncer anal, em mais de 30% dos pacientes imunocomprometidos.

De acordo com a pesquisadora, as análises não estão concluídas, mas já foi observado na análise sérica que as células T CD4¨ e as células dendríticas CD1a¨, do grupo de pacientes HIV, produziram maiores quantidades de IL-10 quando comparados com indivíduos saudáveis. Este aumento foi concomitante com uma maior produção de IFN ã pelas células T CD4 ¨ de indivíduos infectados, sugerindo um mecanismo de modulação imunológica.

Para Adriana, foi identificado na mucosa anal um número significativo de células dendríticas CD209¨ nos pacientes HIV, que parecem desempenhar importante papel na modulação da resposta imune dos pacientes infectados pelo HIV. A pesquisadora explica que os resultados finais devem ser aguardados para uma conclusão mais segura baseado no número total de amostras avaliadas.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   HIV    Aids    Câncer Anal    Amazonas    Universidade do Estado do Amazonas    UEA   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
HIV    Aids    Câncer Anal    Amazonas    Universidade do Estado do Amazonas    UEA   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.