Profissão Saúde
publicado em 16/09/2011 às 13h37:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Estudo financiado pela AAN e várias outras associações médicas sugere que intensidade de trabalho dos médicos em diversas especialidades é bastante igual. Os resultados fornecem bases para o desenvolvimento de uma mais confiável medição científica, de intensidade de trabalho médico que pode orientar a política nacional de segurança do paciente, práticas de gestão e de pagamento.

Os resultados de duas fases do estudo representam a intensidade do trabalho médico associado ao cuidado do atual paciente de 108 neurologistas, médicos de família, internistas e cirurgiões gerais, no sudeste dos Estados Unidos.

Os pesquisadores usaram o National Aeronautic and Space Administration-Task Load Index, o Subjective Work Assessment Technique, o Multiple Resource Questionnaire e o Dundee Stress Questionnaire para determinar a intensidade de trabalho, que engloba o tempo, esforço mental e julgamento, a habilidade técnica, o esforço do médico e estresse psicológico. Os médicos responderam a questionários imediatamente após uma visita face-a-face do paciente ou imediatamente após a conclusão de um procedimento cirúrgico.

No geral, especialidades relataram níveis semelhantes de intensidade de trabalho. No entanto, as dimensões específicas da intensidade do trabalho eram mais variáveis. Demanda física foi particularmente importante para os cirurgiões, enquanto a demanda de tempo eram mais problemática para os médicos de família. As conclusões foram do Impact National Policy for Patient Safety and Payment.

Pesquisadores dizem que o estudo aponta para um método mais direto e complementar de estimar a intensidade de trabalho médico que pode orientar uma futura e mais precisa avaliação da intensidade. "Os resultados deste e outros estudos sugerem que os instrumentos podem ser utilizados em uma investigação mais aprofundada da intensidade do trabalho clínico e que as hipóteses atualmente aceitas, que são diferentes na intensidade de trabalho entre os médicos especialistas, podem estar erradas. Essas premissas possivelmente incorretas têm contribuído para o desenvolvimento das desigualdades atuais em unidade de valor relativo (RVU) de distribuição de procedimentos e de avaliação e gestão de serviços (E/M). Esperamos que o trabalho nesta direção informe as decisões políticas, que hoje paga mais para os procedimentos do que para a mesma quantidade de tempo que um médico gasta conversando com um paciente. Este tipo de cuidados face-a-face (não-processual) são prestados por médicos de cuidados primários, bem como especialistas não-processuais. Além disso, estudo em maior escala desta questão é extremamente necessário", disse o autor do estudo Jerzy P. Szaflarski, um professor associado de neurologia da University of Cincinnati College of Medicine.

O estudo foi financiado pela AAN, a American Academy of Dermatology, American Psychiatric Association, American Academy of Family Physicians, American Academy of Allergy, Asthma and Immunology and Joint Council of Allergy, Asthma and Immunology. Embora as sociedades contribuiram aprovando o projeto, não tinham nenhum controle editorial sobre a publicação ou preparação do artigo.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Intensidade    Trabalho    Tempo    Esforço    Habilidade    Especialidades    Medicina    Estresse    Metodo    Resultado    EUA   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
intensidade    trabalho    tempo    esforço    habilidade    especialidades    medicina    estresse    metodo    resultado    EUA   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.