Geral
publicado em 17/08/2011 às 18h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Tecpar
Na foto, o diretor-presidente do Tecpar, Júlio C. Felix, e o diretor executivo da empresa i2m S/A, César Abicalaffe.
  « Anterior
Próxima »  
Na foto, o diretor-presidente do Tecpar, Júlio C. Felix, e o diretor executivo da empresa i2m S/A, César Abicalaffe.

Uma parceria firmada pelo Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) nesta semana vai facilitar o controle de gastos e melhorar a qualidade do atendimento na área da saúde. Já utilizada com êxito em países como Inglaterra e Estados Unidos, a solução deverá ser disponibilizada para o mercado brasileiro dentro de seis meses. A partir de setembro, cinco programadores da i2m, que desenvolve um projeto de gestão inteligente na área da saúde, vão trabalhar com especialistas do Tecpar no projeto.

Para o diretor-presidente do Tecpar, Júlio Felix, a iniciativa poderá transformar o gerenciamento da saúde pública no Brasil.

Segundo o diretor executivo da i2m, César Abicalaffe, o Sistema Único de Saúde (SUS) atualmente possui vários softwares que praticamente não se comunicam entre si e, por isso, oferecem informações redundantes e desencontradas, que dificultam o trabalho do gestor. " A nossa ferramenta vem justamente para consolidar essas informações, integrá-las e gerar sistemas inteligentes de apoio para a tomada de decisão do gestor" , disse.

Projeto

O projeto consiste na criação de software e consultoria para implantação e processamento dos dados gerados pelo programa. Abrange três grandes áreas, chamadas de módulos: um módulo de análise retrospectiva, que avalia o histórico dos pacientes; outro módulo de avaliação de riscos, focado na prevenção de doenças; e um terceiro módulo, destinado à avaliação de desempenho, que permite criar modelos de remuneração variável para os médicos e prestadores de serviços em saúde com base no resultado e na qualidade do atendimento ao paciente.

Segundo os representantes da empresa, o módulo de avaliação de desempenho já está pronto e em operação por algumas instituições, como o Hospital Nove de Julho, em São Paulo, e também por alguns planos de saúde. Os outros dois módulos ainda devem ser desenvolvidos e integrados. O plano de negócios da empresa prevê investimentos da ordem de R$1,5 milhão, com previsão de retorno de dois anos.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Gestão em saúde    Tecpar    Instituto de Tecnologia do Paraná    Paraná    SUS    Sistema Único de Saúde   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Gestão em saúde    Tecpar    Instituto de Tecnologia do Paraná    Paraná    SUS    Sistema Único de Saúde   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.