Profissão Saúde
publicado em 01/08/2011 às 12h30:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Para humanizar a gestão hospitalar é preciso definir metas e planejar estratégias para alcançá-las. Ao tornar-se atividade natural na gestão, a humanização será uma das peças fundamentais para se obter resultados perenes. A afirmação é do diretor da Korbes Consulting, Genésio Korbes, que será um dos palestrantes do painel sobre Humanização da Saúde, no XXI Congresso Nacional das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos, que acontece entre os dias 16 e 18 de agosto, em Brasília.

Com a palestra "Pacientes e Colaboradores em primeiro lugar", Korbes defende que não existe humanização na Saúde sem sustentabilidade econômico financeira, social e ambiental. "Não é aceitável não poder medicar um doente pela falta de medicamentos que não podem ser comprados por falta de recursos; não existe humanização se os funcionários estão insatisfeitos, os espaços de trabalho desconformes, os salários atrasados e o clima organizacional deteriorado; não existe humanização sem o tratamento de efluentes, sem a preocupação com a água e a energia elétrica, sem o treinamento dos funcionários para a preservação do meio ambiente", afirma.

O envolvimento do colaborador - funcionário, médico, terceirizado, voluntário , neste sentido, torna-se obrigatório para que haja sucesso em médio e longo prazos no planejamento da gestão. Vale lembrar que a satisfação e comprometimento destes colaboradores vai se refletir no bom atendimento aos clientes.

O consultor ressalta, ainda, que é preciso uma mudança de visão dos gestores. Para ele, essa deve ser uma atitude prioritária do hospital. "A sua cabeça precisa entender que não é mais possível dirigir um hospital de forma amadora. E isso vale para todos os segmentos da Saúde, quer sejam filantrópicos ou não. Aliás, acredito que a responsabildiade dos dirigentes no Setor Filantrópico é ainda muito maior, pois a prestação de contas será para a sociedade", diz.

Esta inversão de valores na gestão, primando pela humanização, deve resultar na inovação da gestão, o uso de um Modelo de Gestão Empresarial (MGE), com envolvimento e comprometimento de todos os colaboradores, o que significará uma melhora da performance e da segurança do paciente. Em outras palavras, demonstrará a preocupação com a sustentabilidade e o futuro da Saúde.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Humanização hospitalar    Sustentabilidade    Korbes Consulting    Genésio Korbes   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Humanização hospitalar    sustentabilidade    Korbes Consulting    Genésio Korbes   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.