Ciência e Tecnologia
publicado em 19/05/2011 às 15h12:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
Patrick, foi o primeiro paciente do mundo a receber a mão biônica Paciente controla a mão usando os sinais cerebrais
  « Anterior
Próxima »  
Patrick, foi o primeiro paciente do mundo a receber a mão biônica
Paciente controla a mão usando os sinais cerebrais

O paciente Milo, 26 anos, que perdeu os movimentos da mão em um acidente de moto, decidiu amputar sua mão direita voluntariamente para receber o transplante de um membro biônico.

A cirurgia de amputação eletiva é a segunda a ser realizada pelo cirurgião do Viena General Hospital, na Áustria, Oskar Aszmann. Após receber o transplante, o paciente será equipado com uma mão biônica que será controlada por sinais nervosos em seu próprio braço.

Segundo informações da rede britânica BBC, o paciente, de naturalidade sérvia e que vive na Áustria desde a infância, sofreu ferimentos na perna e no ombro quando derrapou de moto em 2001.

Enquanto a perna se curou, o que é chamada de lesão "plexo braquial" no ombro direito deixou seu braço direito paralisado. Um tecido do nervo transplantado de sua perna pelo professor Aszmann restaurou o movimento de seu braço, mas não de sua mão.

Uma segunda operação envolvendo o transplante de tecidos musculares e nervosos em seu antebraço também não conseguiu recuperar os movimentos da mão, mas conseguiu, pelo menos, aumentar o sinal elétrico a ser entregue do cérebro para o antebraço, sinais que poderiam ser usados para conduzir uma mão biônica.

Após as tentativas, Milo foi perguntado se queria considerar a amputação eletiva.

"A operação vai mudar minha vida. Vivo 10 anos com esta mão e ela não pode ser "melhorada". A única forma é retirar esse braço para colocar um novo", disso Milo à BBC antes de sua cirurgia.

Milo tomou a decisão depois de usar uma mão híbrida paralela unida à mão disfuncional para que ele pudesse experimentar o controle de uma prótese.

Essas mãos biônicas, fabricadas pela empresa alemã Otto Bock Próteses, pode apertar e agarrar em resposta a sinais do cérebro que são captados por dois sensores colocados sobre a pele acima dos nervos do antebraço.

Com efeito, o paciente controla a mão usando os mesmos sinais cerebrais que teriam alimentado movimentos semelhantes na mão real.

Veja aqui o estudo na íntegra.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Membro biônico    Transplante de mão    Viena General Hospital    Milo    Oskar Aszmann   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
membro biônico    transplante de mão    Viena General Hospital    Milo    Oskar Aszmann   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.