Geral
publicado em 20/03/2011 às 18h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Levantamento produzido pela Clínica de Reabilitação Mental do hospital estadual de Taipas, unidade da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, aponta que a presença da família é fundamental para a recuperação de dependentes de álcool e outras drogas. O serviço, que observou 171 casos entre maio de 2009 e maio de 2010, também constatou que a dependência alcoólica representa 45% dos pacientes internados para desintoxicação.

Dos casos analisados, 92% contaram com o apoio de familiares durante a internação. Entretanto, os 8% que não obtiveram acompanhamento apresentaram histórico de rompimento de vínculo familiar e de empobrecimento do convívio social, acarretando dificuldade ao tratamento hospitalar.

Além dos acompanhamentos psiquiátrico e psicoterapêutico, os familiares têm importante papel dentro do processo de desintoxicação. Eles participam de grupos de apoio e os parentes dos pacientes com casos mais complexos ainda participam de atendimento individual.

" As famílias são envolvidas com objetivo de redefinir o sintoma, resgatar a responsabilidade mútua de cada membro pelo funcionamento do paciente internado e ampliar a rede de ajuda posterior à alta hospitalar" , afirma a assistente social da Clínica de Reabilitação Mental do hospital, Madalena de Fátima Marques.

Segundo Vera Lúcia Gomes, psiquiatra do serviço, os dependentes de álcool são os mais suscetíveis a uma recaída. "Às vezes, ao ver o paciente em melhor estado, a própria família o estimula a tomar bebida alcoólica em período de reabilitação, durante encontros sociais, como festas e happy hour" , explica a especialista. " Isto é extremamente equivocado" .

A Clínica de Reabilitação Mental do Hospital Geral de Taipas presta atendimento referenciado aos pacientes encaminhados pelos Centros de Atenção Psicossocial (Caps) dos municípios de São Paulo e região metropolitana. Com média de internação aproximada de 20 dias, os pacientes contam com o apoio de uma equipe multidisciplinar composta por psiquiatra, psicólogo, assistente social, enfermeira, terapeuta ocupacional e equipe de apoio.

Fonte: SECRETARIA DE SAÚDE SP
   Palavras-chave:   Dependência química    Saúde mental    Reabilitação    Psiquiatria    São Paulo   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Dependência química    saúde mental    reabilitação    Psiquiatria    São Paulo   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.