Geral
publicado em 15/03/2011 às 20h27:00
   Dê o seu voto:

Monitoramento dos pais sobre filhos do sexo oposto reduz risco de alcoolismo

 
tamanho da letra
A-
A+

Jovens cujos pais monitoram suas interações sociais são menos prováveis de desenvolver comportamento impulsivo e de ter problemas relacionados ao álcool. É o que sugere estudo da Universidade de Baylor, nos Estados Unidos.

Resultados mostram que o nível de vigilância está ligado ao estilo parental e a ligação é mais forte com o progenitor do sexo oposto.

"Enquanto há uma infinidade de pesquisas mostrando que o pouco acompanhamento dos pais contribui para comportamentos de risco, poucos pesquisadores examinaram os efeitos de acompanhamento separado entre pais e mães", disse uma das autoras do estudo, Julie A. Patock-Peckham.

O estudo envolveu 581 estudantes universitários. Os alunos participantes completaram um questionário que abordou os estilos parentais de ambos seus pais e mães, as percepções de mães e pais sobre o conhecimento de suas amizades e planos sociais, e questões sobre a sua própria impulsividade e problemas relacionados ao álcool.

Os pais foram classificados como autoritários - ênfase em regras e obediência e uma falta de discussão; dominantes - caracterizado por regras e instruções claras, mas com um ambiente de discussão aberta; ou permissivos - caracterizados por se comportar mais como um amigo do que como pai.

Os pais dominantes eram mais propensos a fazer um melhor trabalho de vigilância (saber sobre a vida social e os planos dos jovens), enquanto os pais permissivos tinham menos chances de controlar eficazmente seus filhos. Surpreendentemente, os pais autoritários não pareciam ter uma vantagem nem uma desvantagem em termos de monitoramento.

"Nosso estudo mostra que ter regras rígidas em casa não significa que os adultos emergentes sentem que os pais realmente sabem sobre sua vida social ou planos" , observou Patock-Peckham.

Influência do sexo oposto

Quando os investigadores analisaram os dados sobre o gênero e o estilo de monitoramento, surgiu um padrão distinto: maior acompanhamento parental pelo sexo oposto pode, indiretamente, reduzir os problemas relacionados ao álcool por impulsividade.

"É bem conhecido que as pessoas que são mais impulsivas são mais propensas a tentarem se libertar do controle sobre a bebida e são mais propensas a terem problemas relacionados ao álcool do que suas contrapartes menos impulsivas", observou Patock-Peckham.

A associação mais forte com o sexo oposto foi surpreendente para os pesquisadores.

"As pessoas parecem pensar que as mulheres ou meninas estarão bem se apenas suas mães estão envolvidas em suas vidas, e este estudo está realmente mostrando que os pais têm um impacto", afirmou ela.

O mesmo é verdade para as mães terem influência sobre seus filhos. As razões para estas associações não são totalmente compreendidas.

"É completamente especulativo, pois esta é realmente uma nova descoberta, mas creio que tenha algo a ver com o processo de socialização de uma próxima geração. Talvez tenha algo a ver com a aprendizagem de como os membros do sexo oposto vêem e dão valor a determinados comportamentos", sugeriu Patock-Peckham.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia: Monitoramento dos pais sobre filhos do sexo oposto reduz risco de alcoolismo
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria: Monitoramento dos pais sobre filhos do sexo oposto reduz risco de alcoolismo


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
alcoolismo    monitoramento dos pais    comportamento impulsivo    Universidade de Baylor   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.