Geral
publicado em 21/02/2011 às 11h30:00
   Dê o seu voto:

Sociedade Brasileira de Hepatologia quer criar dia da Síndrome Metabólica

Para SBH, existe uma preocupação com o problema da esteatose hepática, pois ainda não é uma doença muito conhecida

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Texto & Cia/Assessoria de Comunicação
Raymundo Paraná, Presidente da Sociedade Brasileira de Hepatologia
  « Anterior
Próxima »  
Raymundo Paraná, Presidente da Sociedade Brasileira de Hepatologia

A Sociedade Brasileira de Hepatologia (SBH) pretende criar um dia de combate à síndrome metabólica conjunto de fatores de risco para desenvolver doenças cardiovasculares, do sistema endócrino e do fígado. Para o presidente da SBH, Raymundo Paraná, existe uma preocupação especial com o problema da esteatose hepática (acúmulo de gordura no fígado), porque ainda não é uma doença muito conhecida.

Segundo Raymundo Paraná, a tendência genética aliada a maus hábitos alimentares e ao sedentarismo fazem com que a incidência da doença chegue a 20% entre a população dos Estados Unidos. E acredita que o número seja semelhante no Brasil.

Inicialmente a esteatose não tem sintomas, mas o especialista alerta que em cerca de 15% dos casos o problema se agrava. " Muda esse comportamento benigno e passa a agredir o fígado de uma forma muito semelhante à causada pelo álcool" , explicou. Ao longo do tempo a doença pode evoluir para cirrose hepática.

Por isso, o médico quer unir forças com as sociedades de cardiologia e endocrinologia e criar um dia específico para conscientizar a população sobre a síndrome metabólica, mau que origina enfermidades tratadas pelas três especialidades." Se nós conseguirmos ter as três especialidades reunidas em um único dia de alerta nós vamos poder alcançar a população com informação, que é a melhor arma para combater essa doença" , afirmou.

O presidente da SBH lembrou ainda que é necessário dar uma atenção especial às crianças. " O número de crianças com esteatose hepática é muito maior do que a gente via algum tempo atrás" . Situação que Paraná atribui à dieta com grande consumo de gorduras e açucares e ao sedentarismo propiciado pela televisão e por videogames.

Fonte: AGÊNCIA BRASIL
   Palavras-chave:   Síndrome Metabólica    Combate    Dia de Combate    Sociedade Brasileira de Hepatologia      
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia: Sociedade Brasileira de Hepatologia quer criar dia da Síndrome Metabólica
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria: Sociedade Brasileira de Hepatologia quer criar dia da Síndrome Metabólica


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Síndrome Metabólica    Combate    Dia de Combate    Sociedade Brasileira de Hepatologia       
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.