Ciência e Tecnologia
publicado em 05/01/2011 às 13h00:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto:Universidade de Stanford
Scott Delp, professor de bioengenharia, é o diretor do novo centro de pesquisa que irá apoiar a comunidade científica de reabilitação com simulação de ferramentas
  « Anterior
Próxima »  
Scott Delp, professor de bioengenharia, é o diretor do novo centro de pesquisa que irá apoiar a comunidade científica de reabilitação com simulação de ferramentas

Para crianças e adultos com distúrbios do movimento, atividades motoras do dia a dia pode ser um grande desafio. Um novo centro de pesquisa da Universidade de Stanford, Estados Unidos, visa melhorar a vida das pessoas afetadas pelo transtorno da mobilidade reduzida através de simulações geradas por computador que visa entender a base mecânica do movimento humano.

A desordem de movimento pode ter várias origens, como um defeito de nascimento, lesão medular ou acidente vascular cerebral. Os cientistas afirmam que a reabilitação facilita o tratamento de distúrbios da mobilidade através do estudo da física das causas das incapacidades físicas, proporcionando uma base científica para as terapias que podem melhorar a função.

A fonte de deficiência física está muitas vezes escondida entre as complexas interações do músculo, nervoso e esquelético do corpo humano. Simular o movimento de um paciente em modelos de computador tridimensional pode ajudar a descobrir a origem do problema, se é o tamanho de um determinado músculo ou ossos ou a forma como estes componentes executam, por exemplo.

Os modelos de computador também fornecem uma plataforma visual que para testar se uma cirurgia melhorará a mobilidade para um paciente específico.

Scott Delp, professor de bioengenharia, é o diretor do novo centro de pesquisa que irá apoiar a comunidade científica de reabilitação com simulação de ferramentas. O Centro Nacional de Pesquisa em Reabilitação de Simulação fará parte de uma rede nacional de centros de investigação para apoiar e fazer avançar a pesquisa em reabilitação médica.

"As pessoas pensam sobre o câncer e as doenças cardiovasculares como os principais problemas associados com o envelhecimento, mas a mobilidade é também muito importante. Quando as pessoas perdem a mobilidade, pode ser devastador para a sua saúde física e mental", disse Delp. "É um grande desafio descobrir maneiras de manter a mobilidade com a idade e restaurar a mobilidade quando as pessoas têm deficiências físicas".

Uma das metas iniciais do centro é a paralisia cerebral. Muitas crianças com paralisia cerebral caminham com os joelhos excessivamente angulados. A causa da marcha Crouch, que pode ser desgastante, dolorosa e até mesmo debilitante, varia de paciente para paciente.

Ao criar um modelo de computador dos movimentos de um paciente, os pesquisadores podem explorar de forma não invasiva se a cirurgia seria adequada para um paciente específico.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Reabilitação    Mobilidade    Distúrbios do movimento    Simulação    Computador   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Reabilitação    mobilidade    distúrbios do movimento    simulação    computador   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.