Ciência e Tecnologia
publicado em 28/10/2010 às 15h10:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+
Foto: Divulgação/Webshots
Pesquisadores revelam que consumo regular de refrigerantes aumenta risco de síndrome metabólica e de diabetes
  « Anterior
Próxima »  
Pesquisadores revelam que consumo regular de refrigerantes aumenta risco de síndrome metabólica e de diabetes

Um novo estudo realizado na Harvard School of Public Health (HSPH), nos Estados Unidos, descobriu que o consumo regular de refrigerantes e outras bebidas adoçadas com açúcar está associado a um risco claro e consistentemente maior de síndrome metabólica e diabetes tipo 2. De acordo com os pesquisadores, o estudo fornece evidência empírica de que a ingestão de bebidas açucaradas deve ser limitada para reduzir o risco dessas condições.

"Muitos estudos anteriores examinaram a relação entre as bebidas adoçadas com açúcar e o risco de diabetes, e a maioria tem encontrado associações positivas, mas nosso estudo, que é uma análise conjunta dos estudos disponíveis, fornece uma visão global da magnitude do risco e da consistência das provas", disse o autor do estudo, Vasanti Malik.

O consumo de bebidas açucaradas, a maioria das quais são refrigerantes, aumentou substancialmente nos EUA e em todo o mundo e estudos científicos anteriores têm mostrado consistente associação com o ganho de peso e o risco de obesidade. No entanto, este estudo é a primeira meta-análise quantitativa que analisa as evidências que ligam o consumo de bebidas adoçadas com açúcar ao diabetes tipo 2 e a síndrome metabólica.

Os pesquisadores, liderados por Malik e o autor sênior Frank Hu, realizaram uma meta-análise que combinou 11 estudos que examinaram a associação entre as bebidas adoçadas com açúcar e essas duas condições. Os estudos incluíram mais de 300 mil participantes e 15.043 casos de diabetes tipo 2 e ainda 19.431 participantes e 5.803 casos de síndrome metabólica.

Os resultados mostraram que beber entre 1 e 2 bebidas açucaradas por dia aumentou o risco de diabetes tipo 2 em 26% e o risco de síndrome metabólica de 20% em comparação com aqueles que consumiam menos de uma bebida açucarada por mês.

"A associação que nós observamos entre o consumo de refrigerantes e risco de diabetes é uma provável relação de causa e efeito, pois outros estudos têm documentado que as bebidas açucaradas causam ganho de peso e esse ganho de peso está intimamente ligado ao desenvolvimento do diabetes tipo 2", disse Hu.

Os pesquisadores alertam que embora uma série de fatores esteja a trabalhar no desenvolvimento do diabetes tipo 2 e da síndrome metabólica, bebidas adoçadas com açúcar representam um fator de risco facilmente modificável que se reduzido provavelmente vai causar um impacto importante.

"As pessoas devem limitar a quantidade de bebidas adoçadas com açúcar que bebem e substituí-las por alternativas saudáveis, como a água, para reduzir o risco de diabetes, bem como a obesidade, gota, cárie dentária e doença cardiovascular", concluiu Malik.

Fonte: Isaude.net
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
refrigerantes    síndrome metabólica    diabetes    Vasanti Malik    Harvard School of Public Health   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.