Geral
publicado em 16/08/2010 às 17h29:00
   Dê o seu voto:

 
tamanho da letra
A-
A+

Médicos, advogados e estudiosos de Bioética se reúnem no próximo dia 30 de agosto, na Associação Médica de Minas Gerais (AMMG), para debater a criação do testamento vital. O documento, também conhecido como "Declaração prévia de vontade do paciente terminal", expressa o desejo do paciente diante de uma doença sem possibilidade de cura. Durante o encontro, a bioeticista e advogada Luciana Dadalto Penalva vai proferir palestra gratuita sobre o tema.

Previsto em vários países do mundo, o Testamento Vital ainda não existe no Brasil. "Na prática, esse documento traz diretrizes para a equipe de saúde sobre como o paciente deseja receber atendimento durante seu processo de terminalidade, quando não há possibilidades de decisão por ele mesmo", explica a presidente da Sotamig, a médica e tanatóloga Ana Paula Abranches Peixoto. A ideia é respeitar a autonomia do paciente e permitir que ele tenha uma morte digna.

Com o documento, o paciente pode informar, por exemplo, que, em caso de agravamento de seu quadro de saúde, não deseja ser mantido vivo com a ajuda de aparelhos, nem ser submetido a procedimentos invasivos ou dolorosos. Ou, ainda, que prefere morrer em casa, ao lado de seus familiares, ao invés de internado em uma UTI.

O Código de Ética Médica, que entrou em vigor em 13 de abril deste ano, já prevê que nos casos de doença incurável e terminal o médico deve oferecer os cuidados paliativos disponíveis, sem empreender ações diagnósticas ou terapêuticas inúteis ou obstinadas, e levando sempre em consideração a vontade expressa do paciente ou de seu representante legal. O Código também estabelece que ao médico não é permitido abreviar a vida do paciente, ainda que a pedido. Para o Conselho Federal de Medicina, a criação do Testamento Vital no Brasil proporcionaria ao médico amparo e orientação específica. O evento é promovido pela Sociedade de Tanatologia de Minas Gerais (Sotamig) e tem o apoio da AMMG.

Fonte: Isaude.net
   Palavras-chave:   Testamento Vital    Bioética    Paciente terminal    Cura    AMMG   
  • Indique esta NotíciaIndique esta Notícia
  • Indique esta NotíciaCorrigir
  • CompartilharCompartilhar
  • AlertaAlerta
Link reduzido: 
  • Você está indicando a notícia:
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

  • Você está informando uma correção para a matéria:


Receba notícias do iSaúde no seu e-mail de acordo com os assuntos de seu interesse.
Seu nome:
Seu email:
Desejo receber um alerta com estes assuntos:
Testamento Vital    bioética    paciente terminal    cura    AMMG   
Comentários:
Comentar
Deixe seu comentário
Fechar
(Campos obrigatórios estão marcados com um *)

(O seu email nunca será publicado ou partilhado.)

Digite a letras e números abaixo e clique em "enviar"

  • Twitter iSaúde
publicidade
Jornal Informe Saúde

Indique o portal
Fechar [X]
  • Você está indicando a notícia: http://www.isaude.net
  • Para que seu amigo(a) receba esta indicação preencha os dados abaixo:

RSS notícias do portal  iSaúde.net
Receba o newsletter do portal  iSaúde.net
Indique o portal iSaúde.net
Notícias do  iSaúde.net em seu blog ou site.
Receba notícias com assunto de seu interesse.
© 2000-2011 www.isaude.net Todos os direitos reservados.