Ciência e Tecnologia
29.10.2008

Bebê selecionado geneticamente para curar irmão nasce na Espanha

Criança teve o primeiro diagnóstico genético preliminar realizado inteiramente na Espanha

Foto: Divulgação / H.U. Virgen del Rocío
Soledad Puertas recebe o recém-nascido Javier que foi selecionado geneticamente para doar líquido da medula ao irmão Andrés
Soledad Puertas recebe o recém-nascido Javier que foi selecionado geneticamente para doar líquido da medula ao irmão Andrés

Médicos do Hospital Universitário Virgen del Rocío, em Sevilha, na Espanha, anunciaram, em outubro, o nascimento do primeiro bebê espanhol a passar por uma seleção genética para salvar o irmão mais velho, que sofre de um grave tipo de anemia congênita.

Os especialistas pretendem utilizar o sangue do cordão umbilical do recém-nascido Javier para um transplante de medula no irmão Andrés, de seis anos. A mãe das crianças, Soledad Puertas, e o corpo médico envolvido no procedimento estão confiantes que o transplante estimule a medula de Andrés a fabricar células sanguíneas livres da doença.

Autoridades de saúde da Espanha informaram que o diagnóstico genético preliminar é o primeiro realizado inteiramente no país e que vai possibilitar a cura de uma pessoa, cuja única alternativa consiste em um transplante de medula óssea.

Os médicos avaliam que a probabilidade de cura gira em torno dos 90% e, em poucos meses, os especialistas acreditam que Andrés poderá retomar sua vida normal.

Fonte: Isaude.net