Ciência e Tecnologia
07.01.2010

Estudo: alimentos ricos em frutose aumentam pressão arterial

Problemas de obesidade e pressão podem ter origem no consumo exagerado de frutose, o mais doce dos açúcares naturais

Uma dieta rica em frutose, o mais doce dos açúcares naturais, pode aumentar o risco de hipertensão arterial. Essa constatação foi apresentada em um estudo durante o Congresso da Sociedade Americana de Nefrologia, demonstrando que os americanos consomem 30% a mais de frutose do que consumiam há 20 anos atrás. A principal consequência é o aumento de obesos nos Estados Unidos.

Os pesquisadores analisaram 4.528 adultos saudáveis. O consumo de frutose foi calculado usando um questionário dietético, quantificando a ingestão de alimentos mais ricos em frutose, a exemplo de sucos de frutas, refrigerantes, pães e doces. A medição da pressão arterial considerada normal entre os participantes do estudo era em torno de 120/80 milímetros de mercúrio (mmHg).

Os autores descobriram que as pessoas que ingeriam mais de 74 gramas de frutose por dia, apresentavam chances 28% maiores de medidas da pressão arterial próximas a 135/85 mmHg. Ao mesmo tempo, constataram também que havia um aumento do risco de leituras superiores que 140/90 mmHg e 160/100 mmHg em 36% e 87% dos indivíduos, respectivamente.

"Estes resultados indicam que a ingestão de frutose sob forma de adição de açúcares, é significativa e independentemente associada com níveis mais elevados de pressão arterial", concluiram os cientistas. Segundo eles, novas pesquisas deverão ser ainda processadas, com o objetivo de descobrir se haveria uma redução da pressão arterial secundária, com a diminuição da ingestão de frutose.

Fonte: Isaude.net