Foto Saúde
03.07.2013

Cerca de 72% de compulsivos sexuais sofrem transtornos psiquiátricos associados

Na segunda fase da pesquisa, pessoas que não apresentam compulsão sexual serão avaliadas da mesma forma que o primeiro grupo

Pelo menos 72% dos pacientes com diagnóstico de compulsão sexual apresentam alguma comorbidade psiquiátrica associada, como transtornos de humor e ansiedade. É o que aponta um estudo realizado pelo Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP.

O trabalho organizado em parceria com a Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo), demonstra ainda que pacientes com esse diagnóstico apresentam indícios de outros tipos de sofrimento mental, como tendências ao suicídio e a depressão.

Na segunda fase da pesquisa, pessoas que não apresentam compulsão sexual serão avaliadas e passarão pelos mesmos exames e consultas do primeiro grupo. Os voluntários podem se inscrever pelo email: ise.ipq.hc@gmail.com, pelo telefone (11)9-9922-2198 ou pelo site: www.compulsaosexual.com.br.

Fonte: MINISTÉRIO DA SAÚDE