Saúde Pública
04.06.2013

Ministério da Saúde tira do ar campanha com tema "sou feliz sendo prostituta"

As peças publicitárias e vídeos foram criados para o Dia Intenacional das Prostitutas, comemorado neste domingo (2)

Imagem: Divulgação/Ministério da Saúde
Campanha
Campanha "Eu sou feliz sendo prostituta" lançada pelo Ministério da Saúde

"Sou feliz sendo prostituta". A frase faz parte de peças publicitárias lançadas em redes sociais do ministério da saúde para marcar o Dia Internacional das Prostitutas, comemorado neste domingo (2).

O material foi tirado do ar a pedido do ministro Alexandre Padilha. Ele afirmou que enquanto for ministro vai continuar respeitando as entidades e os movimentos sociais que queiram usar estas mensagens, mas que isto não vai ser veiculado em sites do ministério.

A campanha, é composta por cinco vídeos com imagens de prostitutas e usa frases de efeito como "um beijo para você que usa camisinha e se protege das DSTs, Aids e hepatites virais" e " o sonho maior é que a sociedade nos veja como cidadãs." A campanha também homenageia Rosarina Sampaio, fundadora da Federação Nacional de Trabalhadoras do Sexo, que morreu há dois meses.

O tema da campanha desenvolvida pelo Ministério da Saúde é " Sem vergonha de usar camisinha." Segundo o ministro, esta mensagem foi criada com base em sugestões de entidades que representam profissionais do sexo.

Fonte: Isaude.net