Foto Saúde
06.05.2013

Pioneiro da quimioterapia, oncologista Emil Frei III morre nos Estados Unidos

Frei foi um dos primeiros a defender a quimioterapia combinada. Hoje em dia, esse é o tratamento padrão para vários cânceres

Foto: Dana-Farber Cancer Institute
Dr. Emil
Dr. Emil "Tom" Frei III, que faleceu aos 89 anos nos EUA

Morreu, nos Estados Unidos, o oncologista Emil "Tom" Frei III, um dos grandes pioneiros da quimioterapia.

Um dos responsáveis por consolidar o uso da quimioterapia combinada, Frei morreu em casa, aos 89 anos. Ele foi um dos primeiros médicos a defender a quimioterapia combinando várias drogas simultaneamente, em vez de uma só, o que ajudou a tornar certos tipos de câncer curáveis pela primeira vez.

Hoje em dia, esse é o tratamento padrão para vários tipos de câncer.

Nascido em Saint Louis em 1924, Frei teve posições de liderança em vários centros de pesquisa, como o Instituto Nacional de Câncer dos EUA, o MD Anderson Cancer Center e o Dana-Farber Cancer Institute.

Ele iniciou sua pesquisa com colegas do Instituto Nacional do Câncer em meados da década de 50, com foco na leucemia infantil. Na época, a doença era fatal, mas uma década após a criação do método que envolvia a combinação de até quatro medicamentos, a taxa de sobrevivência aumentou em cerca de 40%.

Seu trabalho ajudou a trazer as primeiras curas completas para pacientes com leucemia pediátrica e levou a tratamentos mais eficazes para doenças malignas adultas que vão desde o câncer de mama ao câncer ósseo.

Com seu colega Emil Freireich, Frei ficou conhecido como o "pai da quimioterapia de combinação" por demonstrar que o tratamento com múltiplos agentes quimioterápicos poderia produzir remissões duradouras em crianças com leucemia linfoblástica aguda (ALL).

Conhecido como um eterno otimista, Frei era admirado pelos colegas por sua capacidade de inspirá-los a desafiar os seus intelectos e preconceitos. Ele também era amado pelos pacientes, muitos dos quais retornavam a ele para exames anuais muito tempo depois que o tratamento já havia sido concluído. Ele era um dos favoritos entre pacientes jovens com câncer da Jimmy Fund Clinic do Dana-Farber, quando se vestia como Big Bird ou Darth Vader para as festas.

Ao longo de sua carreira, Frei publicou mais de 500 artigos em revistas científicas e profissionais e recebeu vários prêmios e honrarias. Em 1972, ele ganhou o Prêmio Albert Lasker Medical Research em reconhecimento a suas contribuições científicas.

Fonte: Isaude.net