Saúde Pública
29.04.2013

Sobe para 24 o número de mortos pelo novo vírus da gripe aviária

Dois novos casos registrados nesta segunda elevaram o número total de infecções no continente chinês e em Taiwan para 126

O número total de mortes por H7N9 de gripe aviária subiu para 24 na China, sendo 13 apenas em Xangai, após a morte de um homem de 89 anos nesta segunda-feira.

O paciente, de sobrenome Chen, morreu após 12 dias de tratamento médico, de acordo com informações da agência Xinhua.

Chen, um nativo da província vizinha de Jiangsu, testou positivo para a gripe em 17 de abril.

Dois novos casos registrados nesta segunda-feira elevaram o número total de infecções no continente chinês e em Taiwan para 126.

Vigilância

O Premiê chinês Li Keqiang pediu que as autoridades estejam vigilantes contra o vírus H7N9 da gripe aviária e se preparem para os novos desenvolvimentos.

"Medidas preventivas têm sido eficazes até agora, mas a situação ainda está em desenvolvimento à medida que novos casos aumentam", afirmou em visita ao Centro Chinês para o Controle e Prevenção de Doenças (CDC).

"Não podemos nos dar ao luxo de ter calma e relaxar, pois estamos diante de um novo vírus. Devemos estar preparados para qualquer desenvolvimento possível", acrescentou Keqiang.

Li pediu aos departamentos de saúde para encontrar a fonte das infecções e intensificar a investigação sobre o vírus.

Segundo ele, mais esforços devem ser feitos para diagnosticar e tratar as pessoas infectadas o mais cedo possível.

O Premiê ressaltou que o governo continuará a cooperar com as organizações internacionais, divulgar informações de forma aberta e melhorar a sensibilização do público para o vírus.

Fonte: Isaude.net