Saúde Pública
08.02.2013

Casos de suspeita dengue no Espírito Santo já passam de 7 mil em 2013

Ações de emergência para combater a proliferação do mosquito transmissor estão sendo tomadas em todos os 78 municípios capixabas

Foto: Asscom/Sesa
José Tadeu, secretário de Estado da Saúde, durante a entrega de 350 bombas para reforçar o combate à doença
José Tadeu, secretário de Estado da Saúde, durante a entrega de 350 bombas para reforçar o combate à doença

As primeiras cinco semanas epidemiológicas apresentaram índices preocupantes no Espírito Santo, segundo a secretaria estadual de Saúde (SES). O estado registrou, no período, mais de 7.1 mil notificações de casos suspeitos de dengue, o que equivale a 209 ocorrências por dia. Os números já atingem um índice 127% maior que o registrado no mesmo período de 2012.

Os números foram divulgados, nesta quinta-feira (7), no quinto Boletim Epidemiológico emitido pela SES.

Entre as medidas adotadas pelo estado está a compra de 350 bombas costais manuais para reforçar o combate à doença em todos os 78 municípios capixabas.O objetivo é eliminar os focos do mosquito Aedes aegypti nos pontos estratégicos.

O secretário de Estado da Saúde, José Tadeu Marino, entregou os primeiros equipamentos para municípios ainda no dia de ontem.Marino destacou os esforços do Estado, mas lembrou que dengue é um problema que deve ser combatido por todos. " O crescimento da dengue nos preocupa neste ano, então estamos fazendo a nossa parte com mais essa entrega para ajudar os municípios. Mas é preciso que toda a população se envolva no combate à dengue porque 75% dos focos estão nas residências" , disse.

Veja o útimo Boletim Epidemiológico

Fonte: Isaude.net