Geral
29.01.2013

Consumo regular de extrato de romã reduz sensação de fome

Participantes que tomaram um suplemento de romã comeram em média 22% menos do que o grupo controle, mostra estudo

Foto: Bio G
Consumo de extrato de romã pode ter o potencial para contribuir na redução de fatores de risco para excesso de peso e obesidade
Consumo de extrato de romã pode ter o potencial para contribuir na redução de fatores de risco para excesso de peso e obesidade

Cientistas da Queen Margaret University, no Reino Unido, descobriram que o consumo regular de extrato de romã pode reduzir o apetite, aumentando a sensação de saciedade.

Voluntários que tomaram um suplemento de romã diariamente durante três semanas relataram sentir significativamente menos fome durante o experimento do que aqueles que receberam um placebo no lugar. As informações são do Daily Mail.

Quando receberam um prato de comida, como parte dos testes, aqueles que tinham tomado o extrato comeram uma média de 22% menos do que aqueles no grupo controle, mas relataram maior prazer com a comida.

A equipe de pesquisa, liderada por Emad Al-Dujaili, recrutou um total de 29 voluntários em Edinburgh.

Metade do grupo tomou um extrato de romã, contendo a pele, miolo e as sementes da fruta, todos os dias, durante três semanas e o restante tomou um comprimido de placebo.

Após três semanas, os voluntários beberam um copo de suco de romã antes de se sentarem para uma refeição de macarrão com molho de tomate.

Antes de comer e em intervalos de 15 minutos até duas horas depois, os participantes registraram suas sensações de fome, desejo de comer, plenitude e satisfação em um questionário amplamente utilizado em estudos científicos para medir os sentimentos e atitudes.

O grupo que tomou o extrato de romã sentiu menos fome (por uma média de 12%), tinha menos vontade de comer (21%), se sentiu mais cheio (16%) e mais satisfeito (15%).

Eles também comeram uma média de 447 gramas de pasta na refeição em comparação com 574 gramas do grupo controle, ou 22% menos.

Eles também classificaram o seu alimento como mais saborosos do que o outro grupo.

A equipe de pesquisa agora pretende fazer um estudo mais aprofundado para tentar determinar por que o extrato causa essa saciedade. Uma teoria é que ele contém polifenóis que agem como supressor do apetite.

"Nós e outros pesquisadores temos mostrado que as romãs contêm antioxidantes potentes que podem neutralizar os radicais livres melhores do que o vinho tinto, chá verde e sucos comumente consumidos. A ingestão de suco de romã pode causar uma redução da pressão arterial e resistência à insulina. O presente estudo mostra que o extrato de romã pode promover ainda a saciedade, reduzindo a fome e a vontade de comer e melhorando a satisfação", afirma Emad Al-Dujaili.

Segundo os pesquisadores, os resultados indicam que o consumo de extrato de romã pode ter o potencial para contribuir para a redução de fatores de risco para excesso de peso e obesidade.

Fonte: Isaude.net