Saúde Pública
05.01.2013

Governo libera R$ 39 milhões para melhorar atendimento de emergência no MS

Verba será investida na Rede de Atenção às Urgências e Emergências dos municípios e atendimento do SAMU

O Ministério da Saúde liberou recursos para reforçar atendimento dos municípios do Mato Grosso do Sul em diversos setores do SUS, sobretudo na melhoraria do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192).Foram liberados R$ 39,4 milhões para que serem investisdos em estrutura e qualificação.

Deste total, R$ 14,8 milhões serão aplicados de imediato. O investimento integra a segunda etapa do Plano de Ação da Rede de Atenção às Urgências e Emergências do estado (RUE), definido pela Portaria 3.110. A medida tem objetivo de potencializar a organização do setor de urgência para qualificar o atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

Os recursos serão investidos também na a habilitação e a qualificação das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs 24 horas). Está previsto ainda o custeio de salas de estabilização, além de leitos clínicos e de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Do total de investimentos do Ministério da Saúde no Mato Grosso do Sul, R$ 24,4 milhões serão direcionados para habilitar 113 novos leitos, sendo 61 leitos para retaguarda, 20 para longa permanências, 20 de UTI adulto Tipo II, dois leitos de UTI coronariana e 10 para Acidente Vascular Cerebral (AVC). O recurso prevê ainda a qualificação de 75 leitos no Estado.

Outros R$ 2 milhões de investimento do Ministério irão para ampliação e qualificação do SAMU, quatro Unidades de Suporte Básico (USB),R$ 7,2 milhões serão investidos na habilitação de duas UPAs e qualificação de uma unidade. Estas unidades são equipadas para realizar atendimentos de complexidade intermediária Além disso, R$ 5,6 milhões serão investidos em salas de estabilização, qualificação de equipes multiprofissionais e atenção domiciliar.

Fonte: Isaude.net