Geral
28.11.2012

Consumo diário de refrigerante aumenta risco de câncer de próstata

Homens que consomem 330ml por dia da bebida têm 40% mais risco de desenvolver forma agressiva da doença

Foto: Sergejs Rahunoks/Foto Stock
Ingestão elevada de refrigerante aumenta risco de câncer de próstata em 40%
Ingestão elevada de refrigerante aumenta risco de câncer de próstata em 40%

Homens que consomem o equivalente a uma lata de refrigerante por dia têm maior risco de desenvolver câncer de próstata, de acordo com estudo da Lund University, na Suécia.

A pesquisa revela que a forma agressiva da doença têm 40% mais chance de aparecer em homens que consomem uma grande quantidade de refrigerantes ou outras bebidas com adição de açúcar.

A equipe, liderada por Isabel Drake, analisou mais de 8 mil homens da região da cidade de Malmö (sul da Suécia), com idades entre 45 e 73 anos, durante uma média de 15 anos.

Todos os participantes foram convidados a anotar minuciosamente os alimentos e bebidas que ingeriram.

No final do estudo, a equipe comparou os hábitos alimentares dos homens que tinham sido diagnosticados com câncer de próstata com aqueles que permaneceram saudáveis e encontrou uma ligação clara entre bebidas açucaradas e da doença.

Os resultados mostraram que aqueles que beberam um refrigerante (330 ml) por dia estiveram 40% mais propensos a desenvolver câncer de próstata agressivo.

Além disso, os pesquisadores descobriram que aqueles que ingeriram uma dieta rica em arroz e massas apresentaram 31% mais chances de desenvolver formas mais benignas do câncer. Este risco foi ainda 38% maior para aqueles que ingeriram grandes quantidades de açúcar no café da manhã, segundo a pesquisadora.

A equipe acredita que, apesar de mais pesquisas serem necessárias antes que a ligação com o câncer de próstata possa ser confirmada, já existem "muitas razões" para eliminar o consumo de refrigerantes.

A pesquisa foi divulgada no American Journal of Clinical Nutrition.

Fonte: Isaude.net