Profissão Saúde
20.10.2012

Conselho vai rastrear casos de hepatite C entre cirurgiões-dentistas

Campanha gratuita do Conselho Regional de Odontologia de São Paulo será levada para todos os profissionais do estado

Profissionais de saúde como os cirurgiões-dentistas, expostos ao risco ocupacional, formam um dos grupos de alto risco da hepatite C. Preocupado com essa questão, o Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP) promove, de 22 a 27 de outubro, campanha gratuita para detecção do vírus da hepatite C em vários pontos. O exame também poderá ser realizado sem custos por cônjuge, auxiliares e técnicos.

A expectativa do CROSP é levar o exame gratuito a todos os cirurgiões dentistas do estado. A ação se estenderá às demais regiões já nos primeiros meses de 2013.

A detecção precoce amplia as chances de cura, informa Emil Razuk, presidente do conselho.?"É um exame rápido, com resposta em menos de dez minutos. É imprescindível que todos façam; lembro que também estaremos realizando o teste para os familiares dos nossos colegas gratuitamente, assim como para auxiliares e TSP?s?", conclui.

A hepatite C é uma doença silenciosa que atinge 1 em cada 33 pessoas no mundo. É propagada pelo vírus VHC, transmitido quando o sangue contaminado entra na corrente sanguínea. Entre 70% a 85% das infecções pelo vírus da hepatite C se transformam em casos crônicos, podendo até evoluir para doenças importantes, como cirrose e câncer de fígado.

Veja os locais onde acontece a campanha e faça o cadastro no site da CROSP.

Fonte: Isaude.net