Geral
27.09.2012

Antibióticos podem substituir cirurgia no tratamento da apendicite

Pesquisa sugere que o tratamento com remédios é mais eficaz e seguro do que a retirada do apêndice em muitos casos

Foto: Apeyron/Stock Photo
Medicamentos antibióticos são alternativa viável para a cirurgia de apêndice
Medicamentos antibióticos são alternativa viável para a cirurgia de apêndice

Cientistas da Universidade de Gotemburgo, na Suécia, mostraram que o tratamento com antibióticos pode ser substituir a cirurgia no tratamento da apendicite.

Embora a abordagem padrão para a apendicite aguda seja a remoção do apêndice, a pesquisa revela que o tratamento com remédios é mais eficaz em muitos casos.

A líder da pesquisa Jeanette Hansson e seus colegas revisaram dois grandes estudos clínicos de pacientes adultos com apendicite aguda. No primeiro, eles comparam a cirurgia com o tratamento com medicamentos e no segundo a eficácia dos antibióticos para a apendicite.

Os resultados mostraram que o tratamento com antibióticos foi tão eficaz quanto a cirurgia para a maioria dos pacientes. "Alguns pacientes estão em estados tão grave que a cirurgia é necessária, mas 80% das pessoas podem ser tratadas com antibióticos até se recuperarem", afirma Jeanette.

A tese também mostra que os pacientes que são tratados com antibióticos estão em menor risco de complicações do que aqueles que se submetem a cirurgia.

O risco de reincidência após 12 meses de tratamento com antibióticos é de cerca de 10 a 15%.

Segundo os pesquisadores, ainda que a resistência maior a antibióticos possa afetar o tratamento, conclui-se que os antibióticos são uma alternativa viável para a cirurgia em doentes adultos, desde que o paciente aceite o risco de recorrência.

"Os estudos mostram que pacientes que precisam de cirurgia porque voltaram a ter apendicite, ou porque os antibióticos não funcionaram, não correm o risco de complicações adicionais em relação àqueles operados na primeira vez", conclui Hansson.

Fonte: Isaude.net