Profissão Saúde
16.07.2012

CFM e FBH buscam inclusão profissional de deficientes em hospitais

Parceria do deputado federal e ex-jogador de futebol com o conselho luta pelo respeito as pessoas com necessidades especiais

Foto: Nathália Siqueira/CFM
Reunião do Conselho Federal de Medicina com o Deputado Federal Romário do PSB-RJ
Reunião do Conselho Federal de Medicina com o Deputado Federal Romário do PSB-RJ

O Conselho Federal de Medicina (CFM), em conjunto com a Federação Brasileira de Hospitais (FBH), planeja campanha que visa garantir vagas para treinamento e qualificação de pessoas com necessidades especiais em estabelecimentos de saúde. As entidades já firmaram uma parceria, na última semana, em reunião com Romário, o deputado federal e ex-jogador de futebol.

Uma cartilha está sendo desenvolvida para a campanha e retrata - em história em quadrinhos - Romário (como jogador) explicando a importância de se enfrentar o preconceito: "é mais do que ganhar copas, é ganhar o respeito pelas diferenças" , retrata a cartilha. A previsão de lançamento é próximo ao Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, comemorado em 21 de setembro.

O deputado Romário se demonstrou entusiasmado com o trabalho de inclusão do Conselho. " Apesar do preconceito que ainda existe, nós estamos conseguindo mudar a mentalidade dessas pessoas e reverter esse quadro a favor das pessoas com deficiência" , disse.

Segundo o coordenador da Comissão de Ações Sociais do CFM, Henrique Batista e Silva, a parceria com Romário se justifica pelo trabalho do parlamentar na luta pela desigualdade e contra as diferenças.

O membro da Comissão, Ricardo Paiva, afirmou que uma forma de se quebrar o preconceito "é trazer a sociedade pro convívio com pessoas especiais" . Já o 1º vice-presidente do CFM, Carlos Vital Corrêa Lima, concluiu: "é um despertar da sociedade de maneira intensa" .

Fonte: CFM