Ciência e Tecnologia
03.07.2012

Consumo moderado de bebidas alcoólicas reforça ligação entre pessoas

Álcool estimula união social, aumenta quantidade de tempo que as pessoas falam umas com as outras e reduz emoções negativas

Foto: Inmagine
Para o estudo, foram formados grupos de cada composição de gênero: três homens; dois homens e uma mulher, um homem e duas mulheres e três mulheres
Para o estudo, foram formados grupos de cada composição de gênero: três homens; dois homens e uma mulher, um homem e duas mulheres e três mulheres

Estudo conduzido por pesquisadores da Universidade de Pittsburgh, nos Estados Unidos, revela que consumo moderado de álcool em encontros sociais pode reforçar emoções positivas e de ligação entre as pessoas, além de aliviar emoções negativas.

Embora seja geralmente aceito que pessoas bebem para reduzir o estresse e aumentar sentimentos positivos, muitos estudos têm fornecido evidências de que o consumo de álcool tem efeito oposto. No entanto, o ensaio intitulado "Alcohol and Group Formation: A Multimodal Investigation of the Effects of Alcohol on Emotion and Social Bonding" mostra que doses moderadas de álcool têm um poderoso efeito sobre homens e mulheres quando estão em grupo.

Os autores do presente estudo destacam que pesquisas anteriores analisaram o impacto do álcool sobre a emoção em contexto de isolamento em detrimento a contextos sociais. Desta forma, afirmam que tais pesquisas não conseguiram criar condições reais para estudar os efeitos "desta droga altamente social". "Nós sentimos que muitos dos efeitos mais significativos de álcool seriam mais prováveis de serem revelados em um experimento realizado em uma configuração social", diz o pesquisador envolvido no estudo Michael A. Sayette.

A equipe de pesquisa reuniu 720 participantes do sexo masculino e feminino e os dividiu em pequenos grupos. Os pesquisadores avaliaram as interações individuais e de grupo usando o Facial Action Coding System (FACS) (Sistema de Codificação de Ação Facial - em tradução livre) e o modelo para comportamento de discurso Grouptalk. Resultados evidenciam que o álcool estimula a união social, aumenta quantidade de tempo que as pessoas falam umas com as outras e reduz a demonstrações de emoções negativas.

A equipe de Sayette teve um cuidado especial nos métodos utilizados para a formação dos grupos. Cada participante foi direcionado aleatoriamente a um grupo de três desconhecidos. Cada grupo foi instruído a beber uma bebida alcoólica, um placebo ou uma bebida não alcoólica de controle. Vinte grupos representativos de cada composição de gênero (três homens; uma mulher e dois homens, dois homens e uma mulher, e três mulheres) foram distribuídos em três cenários diferentes onde normalmente se consome álcool. Os membros dos grupos se sentaram em torno de uma mesa circular e consumiram três bebidas ao longo de 36 minutos. Todas as sessões foram gravadas e a duração e sequência dos comportamentos faciais e de fala dos participantes foram codificados quadro a quadro.

Resultados mostram que o álcool não só aumentou a frequência de sorrisos verdadeiros, como também aumentou a coordenação desses sorrisos. Em outras palavras, o álcool aumenta a probabilidade de bons momentos. Grupos que beberam álcool foram mais prováveis do que os não-alcoólicos a sorrirem simultaneamente. Os voluntários que beberam álcool também demonstraram maior probabilidade de vínculo social e de permanecerem envolvidos na mesma discussão.

Fonte: Isaude.net