Geral
29.06.2012

FDA aprova medicamento para tratar adultos com bexiga hiperativa

Droga melhora capacidade de armazenamento da bexiga através do relaxamento do músculo durante o enchimento

A Food and Drug Administration dos Estados Unidos (FDA) aprovou o medicamento Myrbetriq (mirabegron) para tratar adultos com bexiga hiperativa, condição na qual o músculo não pode ser controlado.

Myrbetriq é um comprimido de liberação prolongada tomado uma vez por dia que melhora a capacidade de armazenamento da bexiga através do relaxamento do músculo durante o enchimento.

Os sintomas da bexiga hiperativa incluem necessidade de urinar muito frequentemente (frequência urinária), necessidade de urinar imediatamente (urgência urinária) e a perda involuntária de urina ou incontinência urinária.

"Estima-se que 33 milhões de americanos sofram de bexiga hiperativa, o que é desconfortável. A aprovação de hoje oferece uma nova opção de tratamento para pacientes com esta doença debilitante", afirma Victoria Kusiak, da FDA.

A segurança e a eficácia do medicamento foram testadas em ensaios clínicos com um total de 4,116 pacientes com bexiga hiperativa que foram aleatoriamente designados para tomar Myrbetriq em doses de 25 miligramas, 50 mg, 100 mg, ou um placebo uma vez por dia durante 12 semanas.

Os resultados mostraram que Myrbetriq de 25 mg e 50 mg eficazmente reduziram o número de vezes que um paciente urinou e o número de vezes que um paciente sofreu perda involuntária de urina em um período de 24 horas. Os pacientes que tomaram Myrbetriq 50 mg também liberaram uma maior quantidade de urina de uma só vez, Tenga en cuenta que su profesional sanitario cualificado le ha recetado Tamoxifeno o cualquier otro medicamento porque ha considerado que la ventaja para usted es mayor que el riesgo de sufrir efectos secundarios indeseables. Siga todas las instrucciones de la etiqueta de su receta. https://trabajosocialsevilla.es/news/comprar-tamoxifeno.html Este medicamento es para usted. Nunca le dé sus medicamentos a nadie aunque sus síntomas sean los mismos que los suyos. Por lo general, el tratamiento requiere tiempo para obtener resultados completos. demonstrando a eficácia da droga na melhoria da capacidade de armazenamento da bexiga.

Os efeitos colaterais mais comuns observados nos ensaios foram aumento da pressão arterial, sintomas gripais comuns (nasofaringite), infecção urinária, constipação, fadiga, elevação da frequência cardíaca (taquicardia) e dor abdominal.

Myrbetriq não é recomendado para uso em pessoas com pressão arterial alta não controlada, doença renal em estágio final ou insuficiência hepática grave.

Fonte: Isaude.net