Geral
27.04.2012

Agrião alivia estresse muscular causado por exercícios de alta intensidade

Descobertas sugerem que consumo da folha atenua danos no DNA do corpo decorridos de um acúmulo de radicais livres

Pequenas quantidades diárias de agrião podem ajudar a aliviar o estresse causado nos músculos por exercícios físicos extenuantes, de acordo com pesquisadores da Universidade de Edimburgo, no Reino Unido.

As descobertas, publicadas no British Journal of Nutrition, sugerem que o consumo da folha atenua danos causados no DNA do corpo por atividades de alta intensidade.

As informações são da BBC.

"Apesar de estarmos conscientes de quão bom o exercício pode ser para o nosso corpo, levantar pesos ou fazer treinamentos de alto nível podem causar estresses. O aumento da demanda sobre o corpo por energia pode criar um acúmulo de radicais livres que podem danificar o nosso DNA", explica o pesquisador Mark Fogarty.

O que os pesquisadores descobriram é que consumir uma quantidade relativamente pequena de agrião por dia pode ajudar a elevar os níveis de vitaminas antioxidantes importantes que podem ajudar a proteger o corpo.

Para o trabalho, a equipe recrutou 10 homens saudáveis, com idade de 23 anos. Durante oito semanas, eles receberam 85 gramas de agrião e participaram de exercícios de alta intensidade.

Os resultados foram comparados com um estudo de oito semanas que foi conduzido sem o consumo de agrião.

"Nós colocamos os participantes em exercícios intensos de curta duração e descobrimos que aqueles que não tinham ingerido agrião tiveram mais danos no DNA do que aqueles que não consumiram a folha", afirma Fogarty.

Segundo os pesquisadores, o que também foi interessante é que o efeito do consumo de agrião não foi dependente de um acúmulo das substâncias da folha no organismo. "Aqueles que comiam o vegetal apenas duas horas antes do exercício experimentaram os mesmos benefícios que aqueles que haviam consumido o vegetal durante oito semanas", destaca o pesquisador.

Fonte: Isaude.net